Mocidade IPCG

União da Mocidade Presbiteriana da IPCG

Por que devo ir à Igreja? (II)

Ao olharmos para a essência do Evangelho, Jesus Cristo, entendemos muitas das razões pelas quais o povo de Deus deve ir a Igreja. O primeiro deles é que Cristo veio ao mundo para edificar e instituir a Igreja (Mt 16:18; I Co 12: 12-31), estabelecendo-nos como seu corpo (Ef 1:22,23). Por conseguinte, Jesus Cristo deu sua vida pela Igreja (Ef 5:25). Em terceiro, a Igreja é Casa de Oração (Lc 19:46; Mt 21:13; Mc 11:17), sendo a oração um meio de graça subjetivo, que nos dá livre acesso ao Pai, por meio de Jesus Cristo. Em quarto, nos deparamos com o relato de Lucas 2:41-52, onde Jesus quando criança foi encontrado no Templo, afirmando “Não sabeis que me cumpria estar na casa de meu Pai”.  E por fim, a purificação do templo em Lucas 19:45-48.

No entanto, entendimento que não deve prosperar dessa leitura é que o edifício, a construção ou o arcabouço físico onde se estabelecem os cultos, é o mais importante, ou ainda, a exemplo, que suas orações e suplicas somente são atendidos quando se esta no templo (retomando a ideia do tabernáculo ), mas pelo contrário, o ajuntamento e a comunhão do povo de Deus é que refletem a verdadeira ideia do Corpo de Cristo (At 2:41-47).

No post anterior, apresentamos alguns argumentos apresentados pelos irmãos que deixam de ir a Igreja entre eles: Comodidade de ver as pregações em casa, a Onipresença de Deus e a falibilidade dos pregadores e irmãos da Igreja. Por certo, que tais argumentos podem de fato merecer alguma relevância, mais em grande maioria podem revelar pecados que nos afastam da presença de Deus.

Em relação à comodidade de ver as pregações em casa, entendo que existem irmãos que muitas vezes pelas aflições e dificuldades (enfermidades, locomoção, trabalho, etc.) não podem se fazer presentes aos cultos, sendo importantíssimo para tais pessoas manter um vida devocional bem consolidada, desfrutando desse alimento espiritual. Mas isto, não deve ser a regra, pois, a finalidade de irmos a Igreja é a de prestar Culto ao Rei do Universo, e não simplesmente receber o alimento espiritual, mas responder ao desfrute desse meio de graça com louvor e adoração, em espírito e em verdade. De outra sorte, homenagear a sua comodidade revela o que quer o seu coração e não a vontade de Deus, ou seja, a união do seu povo (Sl 133:1). Ademais, como responderemos de modo afirmativo a pregação (Rm 10:17; Tg 2:17), fazendo o bem aos dá família da fé, (Gl 6:6-10) se não estamos presentes no meio destes?

Outrossim, a Onipresença de Deus, dentre os outros argumentos, demonstra-se como o mais débil para justificar a ausência na Casa de Deus, tendo em vista a inerrância das escrituras, pois, o próprio Deus estabelece princípios para o Culto, além do que como mencionado acima, Jesus Cristo edificou e Instituiu a Igreja. De fato, Deus esta presente em todos os lugares, mas na Igreja nos momentos de Culto é onde encontramos o auge da adoração a Deus, onde Lhe prestamos culto com todo o nosso ser (Sl 84).

Enfim, a falibilidade dos pregadores e irmãos da Igreja, nos conduz ao entendimento de que devemos odiar o pecado e suas consequências (Rm 6:23), todavia, somos pecadores em pleno processo de santificação (Rm 3:23; 1Ts 4:3; Hb 12:14), e nesse sentido temos um papel fundamental na vida uns dos outros estabelecido pelo próprio Deus, onde devemos cuidar uns dos outros em amor (Mt 22:39: Mt 18:15). Assim, negligenciar o fato de que Deus nos deu obrigações para com nossos irmãos, demonstra covardia (temor do homem) e desobediência aos mandamentos do próprio Deus, que conhece a natureza caída do coração do homem de onde procedem todos os maus desígnios (Ef 4:32; 5:1-2; 4:13-16).

Meu amado irmão, oro a Deus para que você não se afaste de se sua Igreja, por esses ou por quaisquer outros motivos, mas que pelo contrário, entenda, sirva e ame sua Igreja, sabendo que os problemas dela, também são seus problemas (Mc 10:45).

Na Paz de Cristo,

Leandro Coelho

Vale relembrar esse testemunho:

About these ads

Navegação de Post Único

3 opiniões sobre “Por que devo ir à Igreja? (II)

  1. Alexandre Santos da Cunha em disse:

    A PAZ DE CRISTO JESUS Á TODO O POVO DE DEUS QUE LER !!!!

  2. Pingback: Porque devo ir à Igreja? | Mocidade IPCG

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: